domingo, 28 de setembro de 2014

Regional de Pilões: Mais uma vez nos pênaltis Brejo leva a melhor e é campeão



 Numa partida de emoção do começo ao fim, o time do Brejo dos Santos foi campeão nos pênaltis, por 3 x 2, depois de empatar no tempo normal em 4 x 4.

Uma partida dígina de uma grande final, assim pode-se falar do jogo que decidiu a primeira Copa Décio Rodrigues de Futsal na cidade de Pilões na noite de domingo dia 28, entre as equipes Pilões x Brejo dos Santos.
Antes da partida começar, tivemos o protocolo de abertura da final, onde as esquipes entraram em quadra, cada uma com uma bandeira, o time da casa conduzindo o símbolo de Pilões, o Brejo com a do estado da Paraíba.

Antes da execução do hino nacional, o prefeito Dr Chagas, aniversariante do dia proferiu algumas palavras.

Mais uma vez Dr Chagas falou a da importância da competição, e agradeceu a todos que estiveram ali presentes durante todos esses jogos.

O mesmo aproveitou para anunciar que no dia 31 de dezembro estará realizando a segunda Corrida de Seu Silvestre, dessa vez em caráter regional, com premiação do primeiro ao quinto lugar, num percurso de 10 km para categoria masculina e 5 para feminina.

Por tanto os maratonistas da região, já podem começar a se prepararem.

Finalmente a bola começa a rolar, a equipe da casa começa pressionando, e logo aos 40 segundos, Anderson abre o placar, 1 x 0 Pilões.

O jogo começou do jeito que a torcida esperava, e o time da casa continua na pressão.

Mas a equipe do Brejo, muito bem montada dentro de quadra, começa a jogar bem, e vai para cima em busca do gol de empate, e consegue aos 3:05 com Nego empatando, 1 x 1.

O jogo é eletrizante nos primeiros minutos, a torcida da casa joga junto com o time que chega ao segundo aos 6:15, com Beto fazendo 2 x 1.

Aos 11, Pedro aproveita a bobeira da equipe da casa e novamente chega a igualdade, 2 x 2.

Mas Anderson, como sempre inspirado e em busca do resultado consegue mais uma vez deixa a equipe na frente no marcador, fazendo o terceiro aos 12:20, 3 x 2 Pilões.

A equipe de Pilões diferente da semifinal, passa a fazer muito revesamento usando os jogadores pratas da casa.

O time de Brejo com mais qualidade no seu banco de reservas leva vantagem nas trocas e marca o gol de empate aos 19:04 com Betinho que deixa tudo igual novamente, 3 x 3.

Terminando dessa forma o primeiro tempo.

No segundo, novamente a equipe da casa começa pressionando o adversário, que por sua vez fica muito bem fechado atrás, e explora nos contra-ataques.

Aos 8:50, Gueisinho consegue furar o bloqueio paraibano e recoloca a Seleção na frente, 4 x 3.

Mas, menos de um minuto depois, aos 9:42 Cafu deixa novamente tudo igual, 4 x 4.

O time de Pilões passa por momento complicados, errando muitos toques e os jogadores visivelmente mais cansados em quadra, o Brejo se aproveita e tem mais a posse de bola.

A partida nos seus minutos finais fica empolgante, qualquer vacilo significaria a perca do título, e perdem boas chances de ambos os lados.

Como ninguém mais marcou, o jogo acabou mesmo no empate em 4 x 4.

As emoções ficaram para as penalidades.

O time de Pilões começou cobrando, Beto bateu forte e o goleiro Carlos defendeu, 0 x 0.

Cafu tem a chance de abrir o marcador para o Brejo só que Deivid também defende, 0 x 0.

É a vez de Gueisinho, ele bate forte, mas a bola vai por cima., 0 x 0.

Finalmente Pedro cobra e faz, 1 x 0 para o Brejo.

Asprilha cobra bem, e empata, 1 x 1.

Vinicius recoloca o Brejo na frente, 2 x 1.

Júnior bate e o goleiro Carlos defende mais um, 2 x 1 para o Brejo.

Chegoua  vez de Wilian, era só fazer e conquistar o título, mas o goleiro Deivide defende, só que a arbitragem, manda voltar, pois o goleiro da equipe se adiantou um pouco.

Nova chance para o atleta paraibano, que bateu fraco e Deivide defendeu mais novamente, desta vez em cima da linha.

Anderson partiu para a última cobrança para a equipe da casa, e não podia perder, e ele realmente não perdeu, 2 x 2.

Ainda com a vantagem, o time time paraibano tinha a grande chance na sua última cobrança, era fazer e parte para comemoração, a responsabilidade era de Betinho, que bateu e Deivide mais uma vez defende, levando assim as cobranças para as alternadas.

Bruno abre, batendo forte de esquerda no alto, mas o goleiro Claudio faz uma defesa inacreditável, 2 x 2.

O veterano Zina, que não entrou em quadra durante todo o jogo, teve a responsabilidade e frieza de bater e fazer, 3 x 2 para o Brejo do Santos que comemora o título na casa do adversário.

Foi uma festa grande da equipe paraibana que conquista a primeira edição da Copa Décio Rodrigues de Futsal.

Após o jogo, houve a entrega de premiação.

O time de Pilões recebeu a premiação pelo vice campeonato.

O goleiro Deivide prêmio de melhor goleiro, sofrendo apenas 17 gols.
                                     
Anderson artilheiro com 11 gols.

E o time do Brejo através do capitão Nego recebendo a premiação pelo título.
                                        
Foi sem dúvidas uma grande festa do esporte promovido pela equipe da MC Esportes através de Mila e Claudênis, com o apoio total da prefeitura de Pilões, através do prefeito Dr Chagas, juntamente com os secretários em especial de esportes que tem a frente João Neto e o coordenador Washington, o secretário de finanças Wiliame Soares, a arbitragem muito boa, e o povo de Pilões que recebeu muito bem a competição, estão todos de parabéns.


                                       

                                       





0 comentários:

Postar um comentário